domingo, 11 de julho de 2010

Trova



Sol a pino, sexta-feira
dita os instantes finais:
chafurdando na poeira
alegres, só os dois pardais



Lidiane Santana



Outro artista moribundo
pinta uma tela bucólica:
A dor é o plano de fundo
e o Amor, simples retórica.

Lidiane Santana


Moléstia




Não lembro de nada.

Quando não estava chorando,
estava secando minhas lágrimas.

A luz de fora me irritava

Não via a rua
nem a gente que passava...


Lidiane Santana